Notícias

Notícias

O que é amniocentese?

A amniocentese é um procedimento no qual o líquido amniótico é aspirado de dentro do útero para realização de diferentes exames. O líquido amniótico é o líquido que envolve e protege o bebê durante a gravidez. Este líquido contém células fetais e várias proteínas.


Embora a amniocentese possa fornecer informações valiosas sobre a saúde do  bebê, é sempre importante entender os riscos e possíveis benefícios do procedimento- e estar preparado para os resultados.


O exame pode ser feito à partir de 16 semanas e sempre guiado por ultrassom.


Em relação às principais indicações da amniocentese, temos: 

  • O exame pode fornecer informações sobre a composição genética do bebê. Geralmente, a amniocentese  é oferecida quando os resultados dos testes de rastreamento do 1o trimestre estão alterados. Seu médico pode indicar o procedimento caso os resultados do ultrassom morfológico de primeiro trimestre ou do teste não invasivo de DNA fetal (NIPT) - forem de alto risco ou preocupantes. Você poderá optar pela amniocentese para confirmar ou descartar um diagnóstico.
  • Teste pulmonar fetal - uma amostra de líquido amniótico pode determinar se os pulmões do bebê estão maduros o suficiente para o nascimento.
  • Diagnóstico de infecção fetal –em alguns casos, a amniocentese é usada para avaliar a presença de infecções nos fetos, como a toxoplasmose e infecção por citomegalovírus. O procedimento também pode ser realizado para avaliar a gravidade da anemia em bebês com incompatibilidade Rh - uma condição incomum que pode ocorrer em gestantes com tipo sanguíneo Rh negativo.
  • Tratamento. Em casos de aumento significativo de líquido amniótico durante a gravidez, a amniocentese pode ser feita para drenar o excesso de líquido amniótico do útero.
  • Teste de paternidade. A amniocentese permite coletar DNA fetal para realização do teste de paternidade.
  • Você tem um histórico familiar de uma condição genética específica ou você ou seu parceiro são portadores conhecidos de uma condição genética: a amniocentese pode ser usada para diagnosticar muitas doenças gênicas -como fibrose cística.
  • O seu médico pode recomendar a amniocentese para diagnosticar ou descartar condições genéticas associadas a achados anormais na formação do bebê pelo ultrassom.

Referências
Mayo Clinic

Outras Notícias